SAMBA ENREDO 2002
Presidente : Marcos Kouri
Carnavalesco : Carlos Louzada Filho
Enredo : Feira de São Cristovão- O nordeste também é aqui
Compositores : Jorge Touro, Barão e Luizinho da Abolição
Intérprete : Fernandinho
Grupo: B Colocação: 4º


Eu sou do Nordeste
Cabra da peste, sim  senhor
Sou filho do Agreste, não se avexe
Sou nordestino, um sonhador
A seca assola a minha terra
Quase faz meu povo sucumbir
Sou um ¨arretirante¨
Vou pra cidade grande
Mainha, eu volto
Mas, agora vou partir
Num pau de arara vou p´ro Rio de Janeiro
Peito cheio de esperança, de um dia prosperar

Oh, meu padim padre Cícero
Oh meu padroeiro vem me abençoar

Um pedacinho do Nordeste
Em São Cristovão encontrei
Cordel, folclore e crenças
E a culinária de bom paladar
Doce lembrança, faz a vida adoçar
O repentista e o forró, a alegria está no ar
A saudade aperta, dá vontade de chorar
Não se apoquente conterrâneo
P´ra semana a gente volta a se encontrar

Tem cangaceiro no samba
Muié rendê, muié rendá
O Arranco traz a feira p´ra venida
E com o nordestino vem sambar